Publicidade Móvel

3 DICAS PARA AUMENTAR OS DOWNLOADS DA SUA APLICAÇÃO MÓVEL

download-de-aplicacao-movel

Conseguir o download da sua aplicação móvel pressupõe sempre as mesmas necessidades: a otimização do ROI para garantir que a mesma seja descarregada, comprada, partilhada e, evidentemente, comentada e recomendada. Ainda que a promoção de uma aplicação móvel esteja intimamente ligada à presença natural da marca na web e à força de ataque que pode mobilizar, existe todo um conjunto de boas práticas a trabalhar previamente. Segue-se uma breve revisão das suas opções. 

1 – RASTREIE OS DOWNLOADS

Para um aumento do número de downloads da sua aplicação móvel importa implementar uma estratégia que responda a um objetivo preciso. Em que consiste o seu? Evidentemente que o que pretende é que a aplicação seja descarregada em elevado número, mas como o conseguir? Para quê? Por quanto?

Caso a sua aplicação seja paga ou permita fazer compras via app, o seu objetivo pode muito bem ser o de vender o suficiente para atingir o ponto de equilíbrio e superar os custos de desenvolvimento. Mas pode também ser o de conseguir fundos suficientes para uma nova aplicação ou uma versão nova mais elaborada. Ou gerar uma margem bruta de 10 ou 20%.

Se a sua aplicação é gratuita, o seu objetivo pode consistir na consecução de vendas a partir da aplicação, em recolher dados pessoais suscetíveis de serem processados, de desenvolver a presença da marca que representa ou em motivar donativos para uma associação humanitária, por exemplo.

Com base nestes objetivos estratégicos pode, doravante, definir um objetivo de downloads a conseguir. Contudo, em conformidade com os mercados, a lógica adotada pode ser diferente, para saber de onde provêm exatamente as pessoas que procedem ao download da aplicação. Para a resolução deste problema, recomenda-se a instalação de um kit SDK na aplicação que, uma vez ligado a uma plataforma de análise, pode medir com imensa precisão a origem dos seus utilizadores.

De facto, os utilizadores podem ser originários de publicidade no Facebook, no Google, no Twitter, de um site afiliado, de uma pesquisa na web, da recomendação de um blog, etc. Para saber se o seu dinheiro é bem investido, o SDK faz a ligação entre a fonte e o download e proporciona-lhe um nível de análise granular para a otimização das suas campanhas e investimento onde realmente vale a pena.

A partir destes dados e da definição do seu objetivo terá, então, todas as cartas na mão para pôr em prática campanhas mais eficazes que incitam aos downloads.

2 – ACOMPANHE A SUA TAXA DE RETENÇÃO

A taxa de retenção de uma aplicação móvel mede a utilização feita da mesma após o seu download. De facto, são frequentes as aplicações que praticamente não são utilizadas após serem descarregadas.

Independemente do modelo de negócios da sua aplicação (download pago, freemium, compras pela aplicação, financiada através de publicidade, patrocinada ou totalmente grátis), quanto mais utilizada é uma aplicação, mais suscetível é de ser partilhada e, por conseguinte, de influenciar os futuros cibernautas. Para assegurar uma taxa de utilização regular, a sua aplicação deverá ser concebida de forma útil, prática, fácil e capaz de prestar um serviço de valor acrescentado. Tanto o número de downloads, como o de comentários ou partilhas nas redes sociais, permitem-lhe ter uma ideia, assim como as funcionalidades de medida da ligação ou a frequência de utilização.

Por outro lado, pode incentivar os utilizadores a avaliarem a sua aplicação, através de uma notificação que surge depois de várias utilizações. Caso os utilizadores estejam identificados, regra geral, convém pôr em prática uma campanha de e-mailing com dicas e boas práticas. Um guia de “como o fazer”, que permitirá aos seus utilizadores uma melhor utilização da sua aplicação.

Pode também convidá-los ao diálogo e à troca nas redes sociais para incentivar uma participação colaborante, que lhe dê a conhecer os bugs a corrigir ou as funcionalidades a implementar numa nova versão. Estas medidas contribuirão para um envolvimento da sua comunidade, criando um círculo virtuoso em torno da sua aplicação.

3 – DIVERSIFIQUE AS SUAS CAMPANHAS

Realizar uma boa campanha de marketing é como investir na Bolsa. Para limitar os riscos, importa saber diversificar o respetivo portefólio. Tenha em atenção que, um único formato, pode significar a perda total do seu tempo e dinheiro. A equação display + posts patrocinados + content marketing + vídeo é uma boa maneira de se iniciar na construção da sua campanha. Não se esqueça de monitorizar devidamente os resultados para proceder aos ajustes necessários.

Caso se dirija a um público mais vasto, pode recorrer a buyer personas para formas diferentes de comunicação. Alguns sentir-se-ão mais inclinados a clicar num link do Google ou num tweet patrocinado, enquanto outros sentirão maior confiança com uma abordagem orgânica ligada a posts do blog ou a um comunicado na imprensa, por exemplo. É também importante verificar as estatísticas relacionadas com as suas páginas, como o tráfego orgânico, a sua landing page ou o seu website. Isto permitir-lhe-á otimizá-los o melhor possível, para um melhor ROI.

Por conseguinte, o sucesso de campanhas de ROI para impulsionar o download da sua aplicação móvel necessita de uma boa preparação, anterior ao próprio lançamento da mesma.

Pense também em trabalhar o fator tempo em termos de sazonalidade. Se o lançamento da sua aplicação é proprício à entrada em cena de campanhas mais intensas, importa também especificar as diferentes atualizações e novas iterações que proporcionam um valor suplementar à sua aplicação. A aquisição do utilizador marginal custar-lhe-á menos do que a do utilizador original e, para além de prolongar o ciclo de vida da sua aplicação, pode também fazer crescer a sua comunidade de forma mais eficaz.

Se gostou deste artigo, descubra quais as nossas soluções de marketing de performance ou contacte-nos para mais informações!

Anaïs | Kwanko

The author Anaïs | Kwanko

Leave a Response